HOME | NOTÍCIAS | VÍDEOS
> NOTÍCIAS

04/04/2019
5º ano reflete sobre processo de aprendizagem em desafio com bexiga e palito de churrasco

A vida é cheia de desafios. No trabalho, nas relações interpessoais, consigo mesmo. E com os estudos não é diferente. Com o objetivo de refletir sobre o processo de aprendizagem, os alunos do 5º ano do Ensino Fundamental encararam um outro desafio. A tutora da turma, professora Melina Endraos, lançou uma provocação: quem conseguiria atravessar uma bexiga com um palito de churrasco sem deixar que ela estourasse?
 
 
No início, todos acharam que seria impossível. Mas, então, a professora encheu uma bexiga, atravessou o palito e... a bexiga não estourou. Aí os alunos começaram a tentar, algumas bexigas estouraram, outras permaneceram cheias. Aos poucos, todos foram conseguindo. Uns mais rápido, outros mais devagar, mas ninguém desistia. Aqueles que cumpriam o desafio, naturalmente, ajudavam os colegas, davam dicas e ficavam na torcida. Quem ficava sem bexiga, corria para concluir a tarefa junto com outro aluno.
 
 
Depois de muitos estouros e várias bexigas espetadas em palitos, a professora Melina mostrou para a turma como a dinâmica se relaciona com o dia a dia na escola. “Quando os alunos são convidados, em sala de aula, a refletir sobre algum conteúdo, ocorre exatamente o que aconteceu na dinâmica. Primeiro, eles acham difícil; depois, vão tentando e começam a compreender que todos vão conseguir, mas cada um tem um tempo de aprendizagem. Um pode precisar da ajuda do colega, outro da professora. A vida é assim. Nem sempre a gente consegue as coisas de primeira. O importante é não desistir”, explicou Melina.
 
 
A tutora também falou sobre a importância de compartilhar o conhecimento. “Foi bonito ver a torcida deles, vê-los trabalhando juntos e se ajudando para que todos saíssem ganhando. Que graça teria o mundo se o nosso conhecimento ficasse só com a gente. Já pensou se Thomas Edison, que inventou a lâmpada, só usasse a invenção em sua própria casa? E se quem criou a vacina contra o sarampo guardasse a descoberta só para sua família? O conhecimento serve para ser compartilhado”, concluiu Melina.
 
Fotos: Melina Endraos

 



 
0 comentário(s) para esta notícia.
 


NOME:
E-MAIL:
COMENTÁRIO:

 
> MAIS NOTÍCIAS
 
Rua Mangalô, 156, Colina A, Patamares, CEP 41680-048 - Tel (71) 3367-2173 | 3367-3040 | 3367-7308 | 3367-3041
secretaria@anglobra.com.br